fbpx

Você já deve ter escutado a frase de que tempo é dinheiro, certo? Pois é, ela faz mais sentido a cada dia que passa. Desde jovens, os indivíduos buscam cada vez mais automatizar seus processos, comprando produtos pela internet, fazendo cursos virtuais, pagando contas por meio de internet banking, entre outros. Uma das coisas que mais vem se atualizando e revolucionando seus métodos, são os meios de pagamento. Existem cada vez mais opções para efetuar transações financeiras que podem facilitar seus processos no dia a dia. 

Separamos algumas novidades nos meios de pagamento e dicas sobre segurança para que você esteja antenado e se necessário, saiba qual implementar em sua empresa. Confira:

Novos meios de pagamento

É possível que você já tenha ouvido falar de pelo menos um desses métodos, mas você conhece bem a utilização? Entenda mais sobre cada um deles:

Linha digitável
Assim como o nome já diz, é a linha digitável de um boleto bancário , ou seja é o código de barras traduzido em números, e ela é necessária para efetuar o pagamento de boletos quando você não tem a conta em mãos, ou o código de barras. Esse método geralmente é enviado por meio do SMS, por ser prático e rápido, assim o cliente copia a sequência numérica e ja faz o pagamento online no seu banco.

NFC

A sigla significa Near Field Communication, em tradução: comunicação por campo de proximidade. É a tecnologia de troca de dados sem fio por aproximação entre dois dispositivos, que pode ser utilizada para efetuar pagamentos. Esse método oferece praticidade, pois basta aproximar celular, relógio ou cartão de crédito com a máquina do cartão. Ambos devem ser compatíveis com essa tecnologia e, a troca de informações ocorre em poucos segundos. 

Em transações por meio de NFC, existe um limite de R$ 50 para transações onde não é necessário a utilização de senha e precisa ter a função habilitada previamente antes da utilização. Então como você precisa autorizar essa função antes de realizar a aproximação,  é uma tecnologia que apresenta certa segurança, mas é sempre indispensável se atentar onde o método será utilizado. 

Esse método pode ser encontrada em vários segmentos, e entre produtos premium até intermediários, por exemplo muitos smartphones de médio custo já contam com essa tecnologia. 

QR Code

Este método tem como nome Quick Response Code, que em tradução literal é o código de resposta rápida. Mesmo sendo criado em 1994 no Japão, ele ganhou mais notoriedade apenas nos últimos anos. O QR Code é uma evolução do código de barras, e é reconhecido pela grande maioria dos smartphones. 

Ele pode ser utilizado para oferecer diversos tipos de informações, pode redirecionar para páginas específicas, download de aplicativos e, como forma de pagamento, pode ser utilizado para identificar a compra a ser efetuada. Segundo um estudo da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, mais de 80% dos varejistas pretendem adotar aplicativos e QR Code como meios de pagamento. 

Esse método como forma de pagamento pode ser apresentada virtualmente ou de forma impressa. Muitas empresas criaram ações para tentar levar os clientes a utilizarem o método para efetuarem seus pagamentos, algumas oferecem descontos na primeira compra ou serviço de cashback.

Aplicativos para pagamento

Pagar contas e efetuar compras pelo celular tem se tornado algo cada vez mais comum na rotina dos brasileiros. Não poderia ser diferente que diversos aplicativos tenham sido lançados com essas finalidades e venham se aprimorando cada vez mais. Entre os serviços oferecidos estão pagamento de boletos, recarga de celular, realizar compras físicas e online, transações financeiras e outros. 

Entre as vantagens em utilizar esses aplicativos como meios de pagamento, estão a facilidade da utilização, possibilidade de parcelamento de contas, transferência para pessoas físicas sem taxas, cashback e descontos em produtos e serviços selecionados. Além disso, o SMS pode ser um ótimo aliado neste caso, notificando esses pagamentos por meio de mensagens automáticas. 

Segurança de Dados

Ao compartilhar suas informações com os meios de pagamento a serem utilizados, é importante oferecer segurança para que seus clientes se sintam seguros em compartilhar os dados. Oferecer um site seguro que contenha selo de verificação e apresentar informações sobre a instituição de forma transparente, para que o consumidor tenha acesso à elas. A LGPD é uma nova lei para regulamentar a responsabilidade das empresas com os dados pessoais dos usuários e a forma como eles serão utilizado, e caso não haja cumprimento, a organização será penalizada. 

Autenticação em dois fatores

Em muitos dos casos que citamos, a autorização para transações conta com a autenticação em dois fatores. É uma etapa extra de segurança que visa proteger os dados dos usuários, e pode ser feito por meio de SMS. Pode ser usado para confirmar uma compra, ou notificar sobre transações realizadas. Tanto nessas formas de pagamento quanto em outras, as empresas responsáveis podem fazer uso da autenticação para garantir a segurança dos seus usuários. 

Para oferecer segurança no compartilhamento de informações é crucial contar com a ferramenta certa. A TWW está há 20 anos no mercado, oferecendo serviços como SMS, flash, voicebot ou chatbot para diversas empresas, nos mais variados ramos do mercado. Assim como o avanço nos meios de pagamento, a TWW busca sempre se reinventar e se atualizar para continuar mantendo o alto padrão de qualidade. Temos o serviço ideal para sua empresa, converse com um de nossos consultores e saiba mais. Confira um webinar bem bacana sobre alguns dados interessantes do pós pandemia, e sobre a adesão de meios de pagamento alternativos.

Escreva um comentário