fbpx
Categoria

Comunicação corporativa

Categoria

Entenda a importância da comunicação dinâmica para o engajamento da sua empresa

Engajar consiste em provocar uma comunicação dinâmica entre a sua marca ou seu conteúdo com o público consumidor O engajamento indica que a sua estratégia foi eficaz, visto que atingiu o público desejado, e ele retribuiu.

Elaborar um material de qualidade pode ocasionar movimentações, pois quem se interessa por algo geralmente sente vontade de dividir com sua rede. Dessa forma, a visibilidade de sua marca eleva.

Nesse contexto, é primordial a organização apresentar um relacionamento próximo com o cliente para gerar um engajamento dele na mesma. Esse engajamento de clientes proporciona diversas vantagens e benefícios para negócio.

Não é por acaso que ele se tornou umas das principais estratégias adotadas pelo mundo business, atualmente. Continue a leitura e aprenda mais!

Redes Sociais

As redes sociais se tornaram um importante meio de engajamento, mas é preciso perceber que isso não funciona para todas as organizações. Algumas marcas podem encontrar altas oportunidades de engajamento em redes sociais focadas no corporativo, como o Linkedln, mas pode não ter sucesso naquelas focadas em perfis pessoais, como o Twitter. O Facebook é uma rede social que funciona para a maioria das empresas.

De qualquer modo, após entender quais funcionam melhor para seu negócio, crie métodos de engajamento, postando conteúdo relevante. Ou seja, eles sintam que a leitura ou o clique valeu apenas. Assim, eles farão comentários nos posts e divulgarão a página para outras pessoas.

Suportes impecáveis

Outro método que pode ser utilizado para aumentar o engajamento de clientes com a marca é aperfeiçoar o suporte e atendimento ofertado, elaborando novas maneiras de interagir com eles. Para começar, precisam ser abertos vários canais de comunicação direta e, todos eles, bastante alinhados. Alguns modelos são os chats de atendimento em tempo real, SMS, e-mail, telefone, mensagens via redes sociais e interação presencial.

Em seguida, é preciso formar uma equipe de atendimento que consiga resolver as adversidades em cada canal.

Os profissionais devem focar em solucionar os questionamentos dos clientes de maneira definitiva e rápida — tudo isso com um sorriso no rosto e muita simpatia. Um tom de descontração é recomendado, desde que o cliente permita isso. Afinal, ninguém gosta de conversar com um robô ou com uma pessoa mal-humorada.

Dispositivos móveis

É essencial otimizar para dispositivos móveis, pois é uma das coisas que as pessoas estão mais usando. Otimizar seus e-mails para esses aparelhos é essencial para que o cliente possa engajar-se com a mensagem e, consequentemente, com a marca.

Se o seu e-mail aparecer confuso em um dispositivo móvel, o usuário o fechará sem ler. Contudo, quando um e-mail se adapta corretamente, ele mostra aos seus clientes que você entende os seus hábitos de consumo e deseja tornar a comunicação mais simples e confortável.

Dessa maneira, a otimização para aparelhos móveis torna os consumidores mais tecnologicamente envolvidos com seu empreendimento e a comunicação dinâmica.

Para tanto, utilize um design consciente e que se adéqua automaticamente a diferentes modelos de telas.

Isso expressa que o seu e-mail se apresentará bem no desktop, no smartphones ou em tablets, visto que seu design atende a qualquer aparelho que o leitor estiver usando.

E-mail marketing

Campanhas de e-mail marketing podem ser vantajosas para engajar o público, mas é fundamental criar alguma personalidade, como se estivesse mandando uma carta direcionada, e não uma propaganda direta que pode ser excluída em um ou dois cliques.

O engajamento acontece melhor com o público quando a mensagem é escrita, quando ela apresenta o nome personalizado e quando é ofertado um conteúdo relevante por perfis. Por exemplo, um gestor financeiro tem obrigações a cumprir bem-distintas de alguém que trabalha no RH.

Por isso, o conteúdo precisa ser segmentado por assunto, estratégia e estilo que se adapta com o perfil de cada um, dando a atenção que eles precisam.

Desse modo, é preciso procurar aprofundar o seu conhecimento e a relação com as pessoas ou empresas com as quais negocia e definir quais são as suas expectativas, para conseguir atendê-las da melhor maneira.

Call to Action (CTA)

Várias vezes as pessoas visitam o seu site por acaso, e também é fato que os visitantes tradicionais do seu site não ficarão buscando maneiras de interagir com sua instituição.

Desse modo, é pouco provável que elas tenham motivação em iniciar qualquer vínculo de engajamento. É nesse momento que entram os chamados “Call to Action”, elementos na página com o intuito de chamar a atenção do seu visitante e incentivar a interação dele com sua marca.

Esses elementos podem ser trechos de textos, frases ou botões, por exemplo. A ideia principal é utilizar verbos no imperativo para convocar o leitor a executar uma ação, como: entre em contato conosco ou comente neste post.

Interação pessoal

Por mais que as ferramentas tecnológicas possam ser usadas para atender à necessidade mais imediata de seus clientes, é idispensável que existam também as interações pessoais. De forma geral, as pessoas gostam de interagir umas com as outras.

Com seu público não será diferente. Assim, ele precisa ter a sensação de que está interagindo com uma pessoa, e não apenas com um computador ou com uma empresa. É fundamental dar atenção às pessoas que se comunicam com você, demostre que, por trás da máquina, existem diversas pessoas preocupadas com elas.

Não deixe de responder, comentar e interagir com as pessoas. As empresas dependem delas, e isso precisa ficar claro para seu sucesso.

Portanto, os clientes altamente engajados com a empresa promovem mais a marca e mostram mais lealdade. A comunicação dinâmica ajuda a fidelizar e atrair outras pessoas por meio de fortes indicações e depoimentos a respeito da qualidade e eficácia dos produtos e serviços oferecidos. É primordial ter em mente que, para alcançar todos esses benefícios, a empresa precisará provocar uma experiência de boa qualidade ao cliente, pois é a chave para o engajamento ideal.

Logo, a utilização de diversos canais de comunicação proporciona diversas vantagens para o negócio, pois conseguirá atrair uma maior quantidade de consumidores. Gostou da leitura? Ficou com alguma dúvida ou gostaria de relatar algum ocorrido? Então, deixe seu comentário no post e compartilhe a sua experiência nesse assunto!

Saiba como utilizar o SMS para instituições de ensino eficientemente

Hoje, o constante uso da tecnologia faz com que diversas atividades do dia a dia sejam facilitadas pelos smartphones. Por meio de aplicativos e serviços, como o SMS, é possível pagar boletos, ficar por dentro de conteúdos sobre o assunto de seu interesse, além de automatizar alguns processos pessoais e profissionais.

A partir disso, as instituições de ensino perceberam que poderiam utilizar dessas facilidades para se aproximar mais de seus alunos e otimizar algumas de suas áreas.

Pensando nisso, elaboramos este post para que você saiba como utilizar o SMS para instituições de ensino de maneira eficiente, e conhecer as suas principais vantagens. Boa leitura!

Quais os principais usos do SMS para instituições de ensino?

A seguir, elencamos quais são os principais usos do SMS para instituições de ensino. Entenda como pode ser um facilitador para o seu negócio!

Cobrança de inadimplentes

A inadimplência é uma característica que prejudica qualquer negócio, inclusive as instituições de ensino. Para contorná-la, é preciso estabelecer estratégias eficientes que possam auxiliar o gestor a planejar os gastos, analisar cada caso, avisar e, por fim, negociar. Um método que pode facilitar — e muito! — essa questão é o envio do SMS para os alunos ou responsáveis.

Engana-se quem pensa que essa ferramenta deve ser utilizada apenas na fase de “alerta” ou “negociação”. É possível enviar também lembretes sobre a data de vencimento, por exemplo. Com a rotina cada vez mais agitada, muitos deixam de realizar o pagamento no dia correto simplesmente por ter esquecido. Além disso, o número do boleto também pode ser enviado, caso seja solicitado.

Assim, ao adotar esse tipo postura em sua instituição você verá uma melhora significativa no fluxo de caixa, permitindo também que outras ações sejam implementadas.

Ações de marketing promocional

Apostar em vendas sazonais para promover a sua instituição de ensino é uma estratégia que traz muitos resultados. Períodos especiais, como o início do ano letivo, datas comemorativas, datas promocionais mundiais — como a Black Friday —  podem ser utilizadas para estabelecer ações para oferecer descontos aos seus alunos.

Para que seja realmente eficiente, é preciso que tenha uma boa divulgação. Nesse contexto, o uso do SMS pode ser um fator diferencial em suas campanhas de marketing.

Lembre-se que nem todo contato com o cliente a partir desse canal precisa ser destinado a essa questão. No entanto, o envio de algumas mensagens ressaltando as facilidades proporcionadas pelo seu negócio nesses períodos é um chamariz para atrair e captar novos alunos — ou fidelizar os já presentes.

Ações de vestibulares

O período de vestibular é sempre um ótimo momento para que sua instituição de ensino consiga atrair novos alunos. Para isso, é preciso pensar em estratégias eficientes que consigam despertar o interesse daqueles que estão iniciando sua jornada acadêmica.

Entre elas, é possível oferecer cupons de descontos, estabelecer campanhas, como a de “Indique um amigo e ganhe uma porcentagem em sua mensalidade”, além de conquistar parcerias com escolas e empresas, com o objetivo de divulgar os vestibulares.

Como dito, para que as ações sejam efetivas, é preciso divulgá-las. Por meio do SMS, a instituição pode entrar em contato com os alunos, estabelecer uma relação mais próxima e difundir todas as campanhas que estão em andamento.

Utilizar essa ferramenta como aliada nas ações promocionais é essencial para o negócio, uma vez que a taxa de abertura das mensagens chega a 98% — muito superior da faixa de 20% dos e-mails marketing, por exemplo.

Interação otimizada com o aluno

A relação entre professor e aluno pode ser muito mais otimizada e próxima com o uso do SMS. Com a ferramenta, é possível enviar lembretes informando sobre as datas das provas, apresentações de trabalhos e, até mesmo, avisar sobre o envio de notas no sistema.

Hoje, há plataformas que fazem esse envio em massa, facilitando o trabalho do professor. Como o smartphone é um aparelho presente na realidade do aluno, o aviso facilmente chegará até ele, uma vez que a taxa de interação é nos primeiros 90 segundos. Sendo assim, a comunicação será rápida, direta e praticamente instantânea.

Pesquisa de satisfação

Mais do que atrair novos alunos, é preciso entender em quais aspectos sua instituição de ensino precisa melhorar com o objetivo de estabelecer estratégias que possam aprimorar a experiência do cliente. Sendo assim, enviar questionários por meio de SMS é uma eficiente alternativa, já que eles poderão fornecer dados para que sua gestão seja analisada estatisticamente, possibilitando a mensuração de pontos importantes a serem modificados, entre outras questões.

Ou seja, a partir de uma ferramenta simples, os resultados da sua instituição terão um impacto significativo. Isso porque, no dia a dia da administração, nem sempre os coordenadores, gestores e a diretoria conseguem entender quais são os pontos mais problemáticos.

Com o feedback de seus próprios alunos ou responsáveis, as ações poderão ser desenvolvidas, visando sempre melhorar as questões realmente importantes.

Quais as vantagens do SMS para instituições de ensino?

Mencionamos brevemente sobre algumas das vantagens que sua instituição de ensino pode usufruir ao adotar a estratégia de SMS. No entanto, o seu uso é considerado eficiente por diversos outros fatores. Entre eles, a possibilidade de a pessoa optar por receber ou não essas mensagens — conhecido como opt-in e opt-out —, reduzindo as possibilidades de seu número ser bloqueado ou considerado spam.

Além disso, a excelente taxa de conversão, a confiabilidade das mensagens e o fato de estar mais próximo dos alunos, contribui para a fidelização dos seus clientes.

As instituições de ensino têm certa dificuldade de enxergar responsáveis e estudantes como clientes. Dessa forma, é essencial apostar em ações que possam contribuir para que eles se sintam próximos de sua marca, mantenham a confiança no negócio e propaguem a instituição de maneira positiva para outras pessoas.

Por essas e outras razões é que o SMS para instituições de ensino são tão eficientes. Com eles, é possível construir um bom relacionamento com seus clientes, enviar mensagens em massa de avisos para os alunos (otimizando o trabalho de sua equipe), além de ter a chance de enviar boletos, lembretes de pagamentos e informações sobre reuniões escolares.

Gostou deste assunto e deseja aprofundar seus conhecimentos? Continue no blog e entenda as soluções de SMS corporativo e como utilizá-lo a favor de sua empresa. Boa leitura!

Aprenda a aplicar o marketing experiencial e torne seu evento único

Atrair novos clientes para seu negócio pode parecer algo desafiador. Em meio a muitas novidades, o marketing experiencial vem tomando lugar importante no mercado.

É compreendido como um conjunto de ações que oferecem ao usuário uma experiência personalizada combinando os 5 sentidos (audição, visão, paladar, tato e olfato), em um mesmo objeto da marca.

Assim, quando entramos em uma loja de smartphones, por exemplo, eles ficam expostos de forma que sejam atrativos aos olhos, ao mesmo tempo que as cores do ambiente entonam para algo prazeroso, criando algo diferente de outros lugares que já passamos e, tudo se une em um só momento único.

Achou interessante o que leu até aqui? Então, continue conosco, pois daremos dicas simples e eficazes de como usá-lo em um evento da sua empresa. Confira!

Estimule o engajamento no pré-evento

Antes de qualquer apresentação, precisamos entender que essa ferramenta conta com alguns pilares para dar certo, isto é, serem pelo menos eficientes no momento da prática. São eles:

  • veracidade;
  • vontade;
  • valoração.

O primeiro elemento (veracidade ou verdade), tem ligação direta com a credibilidade passada ao cliente, devendo analisar friamente se o poder de convencimento da marca está sendo colocado à prova. Em relação ao elemento “vontade”, podemos fazer uma ponte com o fator de estimulação e interatividade com o produto apresentado.

Por último, e não menos importante, o valor que dá ao evento deve estar intimamente conectado com toda a experiência que propomos criar aos participantes.

Essa combinação de elementos essenciais à elaboração do marketing experiencial induz milhares de interligações sensoriais, que criam objeto de desejo e novas possibilidades de conexões futuras.

Este pilar da valoração é muito importante para coleta e amostragem de dados e informações, no intuito de estabelecer e estudar métricas e o ROI. Assim, é possível que entregue sempre ambientes imersivos ao usuário e saiba como fazer o lançamento de um produto ou serviço da forma correta.

Partindo para o pré-evento especificamente, sempre temos que ter em mente que ele começa muito antes de a pessoa sequer entrar no local oficialmente. Era muito comum que conexões interpessoais fossem feitas somente no momento.

Entretanto, com o advento de instrumentos digitais, como aplicativos, a possibilidade e oportunidade do público se relacionar com a proposta e colaboradores do evento é muito maior e eficiente, juntando uma quantidade de consumidores bem mais significativa.

Promova experiências da marca

As melhores memórias que ficaram marcadas em nossas mentes são aquelas que envolveram tanto sensações quanto emoções, não é mesmo? No entanto, entreter cada um que está no evento com o objetivo de alcançar essa meta maior é uma tarefa, por vezes, bastante árdua, principalmente se tentar trabalhar somente com um dos sentidos do corpo.

Por isso, investir em experiências multissensoriais é crucial para estabelecer conexões únicas e imersivas. Nesse contexto, o marketing experiencial pode ser feito por meio de diferentes ações com o mesmo produto, mudando o jeito de vivenciá-lo.

Dessa forma incentivará os participantes do evento a realmente interagirem com o que está sendo oferecido, sem perder a atenção e interesse que precisa para promover o produto com qualidade, eficiência e velocidade.

Ouça o que seu público tem a dizer

Como já percebido até aqui, a sociedade evoluiu expressivamente em suas necessidades e exigências. Portanto, não se pode mais somente mostrar algo ao cliente sem dar a oportunidade de ele interagir pessoalmente com o objeto é sinônimo de risco para o negócio e fracasso da campanha.

Conceder aos participantes instrumentos específicos para que consigam dialogar, questionar, avaliar e, ainda, dividir o momento com os outros envolvidos, é fundamental para que tenham uma ampla visão e dimensão do todo e a plena capacidade de absorverem o conteúdo e valorizarem as ações posteriores.

Prolongue o ciclo de vida do evento

É muito comum pensarmos que, pelo fato de ter acabado aquele evento específico, tudo que não foi experimentado ou aproveitado pelas pessoas foi perdido, mas não se engane.

Ao contrário disso, o ideal é dar continuidade à interação do público, com debates e levantamentos de pautas importantes para o tema, agregando interesse e procura pelo produto que está dando ênfase naquele momento.

Com isso, é recomendável que se promovam dinâmicas também após o acontecimento, na intenção maior de se prolongar, até o próximo encontro, o poder e a relevância que tiveram o evento.

Inove constantemente

Ficar na mesmice é algo perigosíssimo para o negócio, mesmo porque ninguém vai querer ver o de sempre, ainda que tenha sido marcante em sua memória. Pensando nisso, o melhor a se fazer é sair do tradicional, isto é, do convencional que já está fora de moda.

Promover eventos com pegadas mais agressivas ou totalmente diferente do que a pessoa está acostumada a ver, vai surpreendê-la e chamar sua atenção de imediato, pois é impactante e emocionante aos olhos de quem experimenta. Modifica, além de tudo, a maneira como a empresa se relaciona com o cliente.

Ser objetivo e claro no propósito da campanha é obrigatório para facilitar o alinhamento com o público. Assim, a inovação e dinamismo na hora de lidar com ele é muito mais eficaz e encantadora quando a criatividade é colocada em prática.

Um detalhe interessante é que ao desafiarmos nosso lado criativo, a tendência é de aproximação daqueles que pretendem interagir com nosso produto. Um bom exemplo é o envio de SMS aos interessados durante o curso do evento, para que fiquem antenados quanto às atrações. Esse método é muito utilizado por ser bem atrativo.

Ao final de nosso texto, pudemos compreender que essa expectativa que incitamos e criamos nas pessoas ao entregar um pouco do que o produto pode oferecer a elas, possibilita um ambiente totalmente envolvente com o público-alvo que pretende atingir com a campanha.

Proporcionar experiências benéficas aos clientes é extremamente necessário para a garantia de resultados positivos no marketing experiencial da empresa, fazendo toda diferença em relação à concorrência e ao mercado extremamente competitivo.

Agora que sabe como aplicar um bom marketing em seu empreendimento, não pare por aqui e aprenda definitivamente como atender um cliente de forma impecável!

Qual o impacto da transformação digital no comportamento do consumidor?

São muitos os impactos da transformação digital no comportamento do consumidor. Entre eles podemos citar o intensivo uso do aparelho celular para acessar a internet, o alto nível de exigência por qualidade de produtos e serviços, a busca por atendimentos de excelência e a presença em diversos meios de comunicação.

Mais do que identificar tais mudanças, as empresas precisam entender e aprender a lidar com elas para se manterem ativas, sólidas e sustentáveis em um mercado altamente competitivo, cujo leque de opções é vasto para o cliente. Ou seja, se ele não gostou do seu produto ou serviço, vai comprar em outro lugar na próxima vez, sem cerimônias.

Neste artigo, vamos ajudar você a fazer essa leitura do atual cenário, por meio de informações relevantes sobre a relação entre os avanços tecnológicos e as mutações no perfil do consumidor. Além disso, abordamos o que é transformação digital, como utilizá-la para aumentar as vendas, entre outras questões importantes que merecem a sua atenção.

Preparado para mergulhar de vez no assunto? Fique conosco e aproveite cada tópico a seguir!

A transformação digital e seus benefícios

A transformação digital alterou o mundo e incidiu sobre praticamente todas as atividades humanas: da educação à saúde, do mercado ao transporte. Afetou as empresas também, a despeito do segmento ou porte. Muitas acompanharam as mudanças e cresceram, já outras ficaram pelo caminho e foram superadas.

Isso porque, como tudo, a tecnologia apresenta seus dois lados. Apesar dos pontos negativos, como a eliminação de profissões, há muitos aspectos positivos a serem pontuados e que são capazes de gerar benefícios para os negócios. Citemos alguns:

  • ampliação de mercados na internet, como o e-commerce;
  • automatização de processos;
  • proximidade entre empresa e clientes;
  • quebra de barreiras de tempo e espaço;
  • novas oportunidades para fazer marketing;
  • maior facilidade e comodidade para o consumo;
  • redução de custos;
  • maneiras diferentes de se comunicar e se relacionar com o consumidor;
  • entre outras.

O mais importante é que as empresas acompanhem os processos potencializados pelos avanços tecnológicos. Que em vez de lutarem contra, se apropriem das novidades e as utilizem em seu favor — visando o lucro e o crescimento.

Impactos da transformação digital no comportamento de consumo

No comportamento do consumidor, a transformação digital é crucial. Basta analisar quem, hoje, vai a uma banca comprar jornal para ler as notícias do dia, sendo que há centenas de veículos de informações que podem ser acessados pela internet gratuitamente, como portais, jornais e revistas eletrônicos. Poucas pessoas, não?

É por isso que a inovação tecnológica gera crises em muitos setores da economia, pois ela altera os hábitos de consumo dos clientes. O que se percebe é que o celular passou a ser o principal instrumento do homem para realizar suas tarefas cotidianas — inclusive comprar, fazer transações bancárias, receber e enviar e-mails, jogar, se relacionar etc.

A disseminação em série dos smartphones

A disseminação em série dos smartphones no Brasil é comprovada por estudos como a 29ª Pesquisa Anual de Administração e Uso de Tecnologia da Informação nas Empresas, conduzida pela Fundação Getúlio Vargas.

Segundo os dados, a população brasileira ultrapassou a marca de um aparelho celular por habitante. São mais de 220 milhões de dispositivos e a previsão é que a quantidade só aumente no futuro próximo.

Principais comportamentos do consumidor atual

Com essa expansão desenfreada do uso do celular na sociedade brasileira, alguns fatores passam a marcar os comportamentos do consumidor contemporâneo. É importante analisar essas características e conhecer bem o perfil do público-alvo para conquistar leads, fidelizar clientes e alavancar negócios.

Na sequência, apresentamos alguns dos principais desses comportamentos. Confira!

Costuma fazer compras pela web

O hábito de fazer compras pela internet cresceu junto com o aumento do acesso à rede. Tanto é que são muitas as fontes de informação que comprovam o significativo crescimento do e-commerce no Brasil. Só em 2017, a elevação foi de 12%.  

Pesquisa bastante antes de efetuar a compra

Conectado à rede e dispondo do poder da pesquisa, o consumidor está mais criterioso e costuma consultar diversas opções e buscar informações antes de tomar uma decisão de compra. Ou seja, ficou mais difícil fazer negócio, principalmente em função da ampla concorrência.

É extremamente exigente com atendimento

Além disso, o cliente está mais exigente do que nunca e tem fácil acesso às normas do Código de Defesa do Consumidor. Exige atendimento impecável, tanto presencial como por telefone, SMS, chatbot ou em qualquer outra plataforma. Não tolera esperar muito tempo.

Acessa a maioria dos sites por meio do mobile

Como revelam os dados já apresentados neste artigo, o uso do smartphone vem crescendo no país e o acesso à internet é feito majoritariamente pelo próprio dispositivo. Por isso é importante que os sites tenham versões para mobile.

Passa a maior parte do tempo conectado

As pessoas passam a maior parte do tempo conectadas à web: consumindo, conversando, utilizando serviços de aplicativos, pesquisando, estudando, realizando movimentações bancárias. Enfim, é difícil ver uma pessoa que não tenha o celular na mão ou no bolso.

Estão em diferentes canais de comunicação

Hoje, os clientes não acessam apenas os meios de comunicação convencionais — como TV e rádio. A internet ganhou um espaço exponencial, levando consigo as redes sociais, portais, aplicativos, variedades de sites, entre outros.

Proporciona feedback para a empresa e realiza muitas reclamações

Por ser mais exigente e ter disponível fácil acesso aos Serviços de Atendimento ao Consumidor (SAC’s), os clientes realizam mais reclamações e acabam proporcionando um feedback interessante para as empresas — na medida em que alimentam o banco de dados sobre sua satisfação e o que precisa ser melhorado.

Relacionamento com o cliente pós transformação digital por meio do SMS

Para finalizar, é relevante falarmos sobre as práticas de relacionamento que as empresas precisam adotar para conquistar seus objetivos, principalmente conquistar e fidelizar clientes. É razoável considerar que no campo da comunicação e do marketing, a transformação digital não aniquila as formas tradicionais de efetivar diálogo entre empresa e consumidor.

O SMS, por exemplo, continua sendo importante e tendência para se aproximar do consumidor, oferecer produtos, lançar promoções e realizar cobranças. Além disso, é econômico, pode ser automatizado e tem grande alcance de audiência, pois é notificado e lido no dispositivo móvel — que não sai das mãos das pessoas.

Como pudemos observar, a transformação digital afeta diariamente a vida de muitas pessoas, o que reflete em uma mudança de comportamento do consumidor, que está mais exigente e criterioso.

Agora que você entendeu melhor os impactos da transformação digital no comportamento do consumidor, que tal saber mais sobre as “X perguntas e respostas sobre o NPS? Aproveite!” (a ser publicado)

Guia do Marketing conversacional: 5 coisas que você precisa saber

O marketing conversacional tem sido uma das mais principais tendências do mercado nas relações entre empresas e clientes. Trata-se de uma estratégia que visa humanizar o contato e o atendimento, com o objetivo de fidelizar clientes e melhorar as vendas.

Na prática, requer uso de tecnologia inteligente para funcionar e dar conta das demandas de relacionamento. Dois exemplos são:  os chatbots,  robôs que interagem com o público em formato de chat e por meio de tecnologia artificial; e os SMSs automatizados.

Quer entender mais sobre o que é marketing conversacional, para que ele serve, qual é sua importância, implicações e tendências? Então, acompanhe os tópicos abaixo com bastante atenção, pois apresentamos cinco informações que você precisa saber!

1. O que é marketing conversacional?

O marketing conversacional é um conceito que vem ganhando cada vez mais destaque pela sua metodologia que pretende reduzir as distâncias entre empresas e clientes. Consiste na estratégia de estabelecer relações mais humanizadas, atendimentos personalizados e experiências positivas aos consumidores.

Além do mais, entre seus objetivos estão as práticas de compreender as necessidades dos consumidores para prestar o melhor atendimento (rápido, preciso e eficiente) e oferecer o que eles de fato precisam.

2. Qual é a sua função?

O consumidor brasileiro está mais exigente do que nunca. É o que revela um estudo da Salesforce referente ao Brasil: 89% dos participantes da pesquisa afirmam que a experiência de compra proporcionada pelas empresas é tão importante quanto a qualidade dos produtos e serviços consumidos.

Diante de tal dado, fica fácil compreender a função do marketing conversacional, não é verdade? Ninguém mais quer ser tratado como mero número ou elemento quantitativo. O papel dessa estratégia é justamente vencer essa percepção e fazer com que o cliente se sinta único e especial.

3. Por que é tão importante?

A importância do marketing conversacional está na sua capacidade de gerar e identificar leads qualificados, ou seja, consumidores que apresentam grande propensão em concretizar a compra. Além disso, é excelente para conquistar e fidelizar esses indivíduos, sobretudo a partir do bom atendimento.

Com o marketing conversacional, a empresa eleva o grau de diálogo com o mercdo e proporciona melhores experiências de compra, na medida em que estabelece uma comunicação “um-para-um”. O resultado? Engajamento e aumento nas vendas.

4. Quais seus principais canais de comunicação?

Conhecida também como marketing da conversação, a técnica faz jus ao seu nome por dedicar foco na interação com o comprador final. Essa comunicação é feita por canais específicos para o diálogo, isto é, quando ambos os atores (empresa e cliente) são ao mesmo tempo emissores e receptores.

Nessa perspectiva de comunicação horizontal, apresentamos alguns dos principais canais utilizados para colocar o marketing conversacional em prática.

Redes sociais

As redes sociais da internet são meios importantes e adequados para esse método. Isso porque constituem espaços e recursos propícios para a interlocução, tanto na forma de chat quanto nas postagens (comentários, curtidas, compartilhamentos etc.).

Além disso, a maior parte dos consumidores utilizam essas plataformas para buscar informação e entretenimento. Logo, elas podem funcionar muito bem como canais de vendas e relacionamento.

Websites, blogs da empresa e e-commerce

As plataformas digitais administradas pela própria empresa vão um pouco mais além das redes sociais, principalmente por serem mais específicas e apresentarem maior probabilidade de levar o internauta à ação. Os websites, blogs e e-commerce são os exemplos mais destacados.

Aplicativos

Os aplicativos têm revolucionado as formas de se relacionar com o cliente no atual mercado e também são importantes canais para o marketing conversacional. Oferecem soluções e recursos para mensagens em tempo real e são práticos e fáceis de usar.

SMS

As mensagens de texto do formato SMS são essenciais para interações rápidas e dinâmicas. Não exigem sinal de internet e são enviadas e recebidas por meio de aparelho celular, que dificilmente desgruda das mãos das pessoas.

Elas também podem ser usadas para informar prazos e status de compras online, oferecer promoçõeslançar e promover novos produtos, enviar lembretes etc.

A eficácia do uso do SMS como estratégia de marketing é traduzida em dados de agências especializadas, como Responsys, Flurry Analytics, MEF, eMarketer, Venture Beat e Anatel.

Para ter uma ideia, a taxa de abertura e leitura das mensagens de SMS é de 98%. Além disso, 75% dos telefones comercializados no planeta suportam SMS, 80% das pessoas interagem com SMS para finalidades comerciais e 72% dos profissionais da área de negócios preferem usar SMS a algum aplicativo social.

Chatbot por SMS

O chatbot por SMS é uma ferramenta muito eficiente para o marketing conversacional. Mas afinal, o que é chatbot? É um robô que funciona a partir da inteligência artificial e consegue oferecer informações preestabelecidas e personalizadas para o cliente. Na verdade, ele pode ser uma árvore de decisão com mensagens programadas.

Suas funcionalidades permitem criar fluxos interativos de mensagens para otimizar soluções e levar o consumidor a alguma ação. Alguns exemplos práticos do chatbot por SMS são:

  • confirmação de informações para evitar fraudes;
  • ofertas de negociação de dívidas;
  • pesquisas de satisfação;
  • questionários personalizados;
  • disparos de cupons de desconto e promoções;
  • confirmação ou cancelamentos;
  • entre outros.

5. Que tipo de benefícios o marketing conversacional oferece ?

Chegamos à reta final do artigo e, talvez, na parte mais esperada por você. Estamos certos? Pois bem, descrevemos brevemente, na sequência, os benefícios que o marketing conversacional pode proporcionar à sua empresa:

Personalização no atendimento ao cliente

Por meio de coleta e análise de dados dos clientes, é possível compreender bem o perfil e comportamento do público-alvo do negócio. Com isso, o marketing conversacional personaliza o atendimento, torna o contato mais humano e as experiências de compras positivas.

Otimização do tempo e da produtividade

A oferta de meios de comunicação diversificados evita que gargalos e filas sejam formados nos processos de atendimento. Dessa forma, além de mais rápido, o serviço é eficiente, produtivo e ganha maior capacidade de levar o cliente à ação de comprar. Dependendo das soluções automatizadas e inteligentes adotadas para a estratégia, é possível manter o serviço de atendimento online disponível 24 horas por dia.

Público engajado e melhora na gestão de relacionamento

Ao sentir-se bem tratado e satisfeito com a interação personalizada dedicada às suas necessidades, o consumidor se engajará naturalmente com a marca. Tal cenário é o objetivo supremo da gestão de relacionamento voltada para a carteira de clientes.

Aumento das vendas e da autoridade da empresa

Por fim, o marketing conversacional contribui para o aumento das vendas, objetivo final de toda empresa,  e melhora a imagem do negócio, que passa a ter mais autoridade e credibilidade.

As organizações estão entendendo que a melhor estratégia de marketing não é mais publicar anúncios em jornais, revistas e televisão, nem entregar panfletos físicos, mas sim dialogar com o cliente, oferecer o que ele precisa, escutar o que ele tem a dizer e apresentar soluções rápidas, eficientes e acessíveis, como propõe o marketing conversacional.

Gostou do conteúdo? Comente conosco suas experiências na área do marketing e se o artigo contribuiu para os seus conhecimentos!

Conheça 7 maneiras de melhorar o atendimento ao cliente

Melhorar o atendimento ao cliente é algo que todo profissional deve buscar, independentemente do ramo da empresa. Ter a qualidade na forma de atender requer treinamento e precisão no momento de transmitir ao público as respostas de todas as suas necessidades, com o objetivo de demonstrar credibilidade ao consumidor.

Como consequência dessa confiança, ele passará a comprar mais da empresa em que você presta serviço ou trabalha, além de aumentar o número de clientes por meio de indicações e recomendações dos que já tiveram uma experiência positiva em relação àquele negócio.

Foi pensando nisso que elaboramos este post, para que você entenda algumas maneiras muito eficientes de melhorar o atendimento ao cliente. Boa leitura!

1. Adote ferramentas para cultivar o melhor atendimento

Implantar ferramentas que permitam dinamizar o trabalho dos atendentes e reduzir o tempo de resposta ao consumidor é bastante necessário para impulsionar os resultados da empresa. Existem diversas opções de softwares para essa finalidade, como o SMS corporativo, que pode ser utilizado para o envio de lembretes, prazos e comunicados.

Além desse recurso, existe a tecnologia do sistema de CRM — gestão de relacionamento com o cliente —, uma plataforma bastante útil para manter o contato com o público por meio de e-mail marketing, anúncios de Facebook etc.

Utilizando essas ferramentas, é possível fazer a segmentação do público, ou seja, selecionar aquelas pessoas específicas por idade, sexo ou qualquer outro estilo para uma campanha mais eficiente.

2. Mantenha múltiplos canais de comunicação

Manter múltiplos canais de comunicação é uma tendência que vem se fortalecendo cada vez mais no mercado entre as empresas bem-sucedidas. A ideia consiste, basicamente, em diversificar os canais da empresa para que o consumidor possa escolher a maneira mais acessível para ele em um momento específico.

Um exemplo clássico é o fato de o cliente preferir digitar no celular do que falar ao telefone. Dessa forma, é essencial oferecer outras opções de atendimento, como o uso de aplicativos de mensagens, chatbot por SMS, formulário de contato no site, interação nas redes sociais, entre outros. Oferecer ao consumidor o poder de escolha representa autonomia, trazendo resultados significativos para o negócio.

3. Valorize e capacite sua equipe para transmitir confiança

O bom desempenho de toda a equipe depende do compromisso de cada um com as metas e objetivos do negócio. No entanto, a liderança pode fazer toda a diferença. É essencial promover reuniões informais para premiar os colaboradores que mais se destacaram por atingir os resultados, além de interagir com o grupo, elogiar publicamente sempre que alguém fizer por merecer e fazer críticas construtivas reservadamente. Todas essas estratégias podem reforçar o bom atendimento.

Além de valorizar, o treinamento é essencial para que haja qualidade na forma de atender, transmitindo confiança. É preciso conhecer bem as técnicas, aperfeiçoar e desenvolver habilidades visando servir com excelência. É importante, também, oferecer conteúdo motivacional aliado ao treinamento, com o objetivo de contar com atendentes motivados que trabalharão com mais espontaneidade.

4. Esteja atento ao feedback do cliente

Uma atitude que pode contribuir significativamente para as empresas melhorarem seus serviços de atendimento é ouvir o que o cliente tem a dizer sobre os serviços prestados. Na maioria das vezes, a opinião do comprador faz com que a organização possa repensar suas estratégias e consertar pequenas falhas que são perpetuadas caso não haja a interação.

No entanto, saiba que você não pode esperar que o cliente se manifeste por conta própria — pode até acontecer, mas é bem mais raro! Portanto, estude a possibilidade de fazer pesquisas de satisfação. Assim, você poderá utilizar as informações de contato registrados no banco de dados com o objetivo de realizar a ação por meio de telefone, e-mail e até pessoalmente, caso o cliente esteja na empresa por algum motivo.

5. Responda em tempo hábil

Se o consumidor estiver esperando por uma resposta que a empresa prometeu retornar, ou até mesmo o envio de algum material, tenha bastante cuidado para não deixá-lo esperando. Utilize ferramentas online para que haja o lembrete dos compromissos, para evitar com que eles sejam esquecidos. Tudo o que é prometido ao cliente deve ser cumprido, assegurando a credibilidade da empresa.

A interação nos canais de atendimento deve ser da mesma forma, principalmente porque o meio digital é mais dinâmico e exige atenção especial. Ou seja, não é certo deixar o cliente falando sozinho ou esperando por dias uma resposta. Caso faça comentários negativos ou críticas, é necessário agir com profissionalismo, cautela e ética.

6. Construa seu diferencial

É impossível praticar as mesmas ações e conseguir resultados diferenciados. Por essa razão, caso queira se destacar da concorrência, é necessário ir além do convencional e superar as expectativas do público no que se refere à excelência do atendimento.

Para que isso ocorra é preciso pensar em estratégias que serão capazes de fidelizar os principais clientes, além de conquistar novos compradores. Investir em produção de conteúdo para redes sociais, blogs e envio de SMS podem ser alternativas, além de criar campanhas com ofertas exclusivas e oferta de brindes.

7. Estabeleça métricas para avaliar o desempenho

O maior legado que a tecnologia trouxe para melhorar o atendimento ao cliente é o fato de poder medir os resultados de uma estratégia em tempo hábil para realizar alterações nas estratégias que não estão funcionando, além de entender o que de fato vem trazendo resultados.

Para que tenha um relatório completo da atual situação do atendimento, é importante que sejam estabelecidos parâmetros capazes de evitar falsas interpretações. A possibilidade de compreender exatamente os dados é o primeiro passo para construir e manter a reputação da empresa.

Conhecer bem o público e organizar uma base de contatos com todas as informações necessárias são capazes de promover ideias para manter o bom relacionamento, além de ampliar os canais de atendimento de acordo com as necessidades. A partir daí, basta gerenciar tudo da melhor forma possível, acompanhando de perto as tendências e inovações do mercado.

Ao ler este conteúdo, você pôde perceber que melhorar o atendimento ao cliente não é uma tarefa tão difícil quanto parece, além de ser fundamental para o crescimento da empresa e a sua credibilidade perante o mercado. Ao aplicar essas estratégias, o consumidor pode se tornar até mesmo um propagador de seu negócio, divulgando espontaneamente para pessoas do convívio.

A TWW utiliza dessas maneiras por acreditar que são essenciais para oferecer a melhor experiência ao cliente. Para que seus amigos também as conheçam, compartilhe o conteúdo em suas redes sociais. Afinal, conhecimento nunca é demais!