fbpx
Categoria

Vendas

Categoria

PIX na sua empresa: como adotar a nova modalidade

Certamente você já deve ter sido impactado por alguma mensagem convidando a registrar o PIX. Pois é, a novidade está começando a fazer sucesso e promete revolucionar a forma como empreendimentos pagam e recebem. Isso porque, ao adotar o PIX na sua empresa, você estará barateando e simplificando os seus meios de pagamento. 

As transações duram menos de 10 segundos e podem ser feitas 24 horas por dia, nos sete dias da semana e durante o ano todo. Em outras palavras, é como se o pagamento fosse feito em dinheiro: rápido e prático. Espera-se que, a partir de 16 de novembro, a nova modalidade já apareça como opção de transferência nos aplicativos, ao lado do TED e do DOC. 

Quer entender mais sobre como adotar o PIX na sua empresa? Nesse post, explicaremos como cadastrar, quais são os diferenciais do novo meio de pagamento e as vantagens seu para negócio e para o seu cliente. 

Quais são os benefícios da modalidade para empresas?

O principal ponto positivo da modalidade será a redução de custos intermediários. Em outras palavras, com o PIX, sua empresa não precisa utilizar a maquininha de cartão de crédito/débito para receber seus pagamentos. Isso significa que você não pagará mais a taxa deste serviço e das bandeiras dos cartões utilizados, como Visa e Mastercard.

Sim, o PIX terá um custo para empresas mas a tendência é que ele seja menor do que as opções de pagamento atuais. As tarifas serão definidas pelas instituições financeiras e elas não irão interferir no valor. Há ainda a possibilidade de cobrança de uma taxa fixa por transação para receber ou fazer pagamentos. 

O recebimento de pagamentos instantâneos facilitará o fluxo de caixa do seu negócio. Além de dar maior praticidade aos seus clientes na hora de consumirem o seu produto. Afinal, na correria do dia a dia, quem não gosta de uma oportunidade de ganhar tempo? E, ainda mais importante, ao fazer um PIX na sua empresa, você também conseguirá pagar fornecedores, funcionários e até tarifas em poucos segundos.

Como cadastrar o PIX na sua empresa?

O processo de cadastro do PIX é o mesmo para pessoas físicas e jurídicas. Então, se você já registrou a modalidade para uso pessoal, não terá problema em disponibilizá-lo para sua empresa. Mas, vamos te ajudar com o passo a passo. 

Para começar, é preciso que a sua empresa tenha uma conta transacional (corrente, poupança ou pagamento) em um banco ou fintech. O registro é bem similar ao internet banking e acontecerá nos próprios canais da instituição financeira. Uma informação importante: para ter o PIX na sua empresa, não há restrições de tamanho do negócio. Ou seja, sua empresa pode ser de micro, pequeno ou grande porte e conseguir cadastrar a novidade. 

Será necessário obter uma chave PIX para usar a modalidade de pagamento. Essa chave é o endereço da sua conta e poderá ser: CNPJ, email, telefone ou uma chave numérica aleatória. Além disso, ela que será a responsável na hora de pagar um fornecedor ou receber uma transferência de um cliente. Basta digitá-la e a transação será feita entre os atores envolvidos.

Cada pessoa jurídica tem o direito de cadastrar até 20 chaves PIX. Mas, elas não poderão se repetir. Sendo assim, você pode cadastrar seu CNPJ, email ou telefone em 3 chaves diferentes na mesma instituição. Por exemplo, se você tem uma conta em um banco X, você compartilhará a chave cadastrada na instituição para seu cliente realizar a transação. Agora, se você tiver outra conta em um banco Y, você não poderá usar a mesma informação que utilizou para cadastrar sua chave no banco X.

Quando o PIX estiver liberado para uso, será possível fazer a portabilidade das chaves. Isso caso a sua empresa tenha necessidade de trocar a instituição financeira após o cadastramento. Um ponto de destaque é que, na hora de receber o PIX, seus clientes podem fazer a transação de múltiplas formas. Em suma, ele poderá ser recebido: por transferência, com as chaves PIX, por QR Code ou por NFC (tecnologia de pagamento por aproximação). 

Como assim QR Code?

Pois é, sua empresa poderá emitir QR Codes para receber pagamentos. Interessante, não é mesmo? A ideia é que esse processo seja bem simples, para facilitar a vida do empreendedor. 

Basta acessar o internet banking corporativo, entrar na área do PIX, clicar na opção “emissão de boleto” e escolher a opção desejada. Para disponibilizar ao seu cliente, você poderá imprimir o QR Code ou mostrar pelo seu celular. Você disponibiliza sua chave PIX para o cliente, informa o valor da venda e o cliente faz o pagamento. Essa opção, portanto, será mais utilizada no dia a dia do microempreendedor individual (MEI) e nas empresas de pequeno porte.

Caso negócios de maior porte queiram implementar o QR Code em suas transações, será necessário usar sistemas internos de gestão. O PIX será integrado a tais sistemas e qualquer procedimento relacionado a administração da empresa poderá utilizar a modalidade. A integração pode ser feita pela própria área de tecnologia da companhia. Eles terão uma espécie de manual para integração dos seus sistemas com o PIX.

Mas e a TED, a DOC e o boleto?

TED e DOC

Para ambas as opções, é preciso conhecer todos os dados do recebedor (banco, conta, CNPJ, entre outros). O valor terá que ser transferido entre 6h e 17h30 senão cairá somente no outro dia. Ainda mais, com a TED apenas transações acima de R$5.000 são aceitas. Já com a DOC, o valor máximo de transferência é de R$4.999,99. 

Boleto

Em comparação ao QR Code, os boletos se apresentam como uma forma menos prática de pagamento. Sim, o formato de leitura é parecido. Porém, ele só é disponibilizado em dias úteis. E, para quem recebe, o valor só cai no dia útil após o boleto ser pago. 

Além dessas questões, nenhuma das alternativas de pagamento emite um aviso para informar que a transação foi feita. Já o PIX informa, tanto pagador quanto recebedor, sobre a transferência. Sendo assim, ao adotar o PIX, é interessante que a sua empresa se preocupe em informar quando a transação foi bem sucedida. Uma forma eficaz de realizar a tarefa é pelo envio de um SMS. Com nossas soluções, você pode personalizar o envio dessa mensagem e fortalecer o relacionamento com seus clientes ou funcionários. 

Frases como “Me paga por PIX” serão cada vez mais comuns no cotidiano e é preciso que sua empresa esteja preparada. Para isso, conte com as ferramentas certas para facilitar seus processos. 

Na TWW, contabilizamos anos de experiência auxiliando empresas a atingirem seus objetivos. Fale com nossos especialistas e entenda como nossos serviços podem ajudar você a disponibilizar o PIX na sua empresa de forma segura, transparente e personalizada. Tanto para seus clientes quanto para seus funcionários ou fornecedores.

O que o aumento de vendas na pandemia significa para a estratégia da sua empresa?

Com o isolamento social imposto pela pandemia, milhões tiveram de utilizar a internet como meio para realizar suas compras. Neste ano, o Brasil chegou a marca de 41 milhões de usuários ativos no e-commerce. Ou seja, o aumento de vendas na pandemia fez com que esse mercado digital crescesse em níveis nunca vistos nos últimos 20 anos

Apenas no primeiro semestre, o faturamento das vendas online subiu 47%, totalizando 38,8 bilhões de reais. Por outro lado, muitas lojas foram pegas desprevenidas para o novo modelo. Segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), houve um aumento de 400% no número de comércios que adotaram o e-commerce por mês.

A modalidade de compras online já vinha crescendo ao longo dos anos e estava projetada para crescer 18% este ano. Porém a mudança de comportamento na forma de consumir fez com que, apenas de abril a junho, o número de pedidos online crescesse 70% em comparação ao ano passado.

Neste post, explicaremos melhor como o fenômeno influencia na estratégia de vendas da sua empresa e quais métodos você poderá utilizar. Afinal, com o crescimento desse formato, será preciso se destacar para atingir seus clientes.

Aumento de vendas na pandemia: o que mudou?

Basicamente, o e-commerce se tornou o método mais seguro para consumir durante a pandemia. Cerca de 7,3 milhões de brasileiros fizeram sua primeira compra online durante o primeiro semestre do ano. Do total de usuários ativos, 58% compraram pelo menos 4 vezes ao longo do semestre e 20% fizeram mais de 10 pedidos no período. 

Além de ser uma alternativa para a pandemia, o mercado digital proporcionou maior conveniência para os consumidores. E, mesmo após a flexibilização, é preciso apostar na integração do varejo físico com o digital. Isso porque, em pesquisa feita pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, 70% dos entrevistados afirmaram que pretendem comprar mais em sites e aplicativos após a pandemia.

Nesse cenário, a competição de comércios eletrônicos fica mais acirrada. Para ser bem sucedido, é preciso entender o momento de cada cliente, como ele se comporta nas redes e o que o leva a fazer a compra.

Por passarem maior tempo conectados, seus consumidores fornecem dados que te ajudarão a pensar na sua estratégia de atração. Com isso, será possível identificar as possibilidades de se comunicar com seus clientes. Ou seja, você poderá apostar em meios diferentes dos seus concorrentes e se destacar. 

Métodos para atingir seu cliente

Em um momento em que o e-commerce está chamando atenção, diversas marcas passam a investir no marketing digital. Uma estratégia correta, porém, que vai na mesma linha de pensamento de outros empreendedores. O momento é de inovar e buscar alternativas para atingir seu consumidor de uma maneira mais pessoal, possibilitando até a fidelização. 

E você sabia que as vendas off-line podem ser uma ótima forma de fazer isso? Entenda como algumas ferramentas também podem ajudar a sua empresa a aumentar as vendas durante e depois da pandemia.

SMS Marketing

Em pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas, em São Paulo, foi mostrado que o Brasil já superou a marca de um smartphone por pessoa. Enquanto aplicativos de mensagem como WhatsApp, Facebook Messenger ou Telegram precisam estar instalados no aparelho do seu cliente para começar uma conversa, o SMS não.

Basta que seu consumidor tenha um número de celular e pronto: você já poderá vender para ele! Isso porque o SMS tem visualização quase que imediata. Cerca de 90% dos usuários checam as mensagens recebidas em no máximo 3 minutos. Mas como efetivamente vender? Bom, sua empresa pode utilizar a ferramenta para:

  • Informar sobre lançamentos
  • Oferecer descontos 
  • Fazer um anúncio prévio de ofertas
  • Disponibilizar cupons
  • Ter um canal de relacionamento com o cliente

Além disso, o SMS tem baixo custo. Em vez de investir na produção de artes, vídeos e banners, você irá focar em vender em 160 caracteres. Outra questão é que a funcionalidade não depende da internet para enviar uma mensagem efetiva, com alta taxa de abertura. Potencializando, assim, o alcance para os milhões de smartphones ativos no Brasil

Chatbot

O chatbot é uma ótima estratégia de vendas se o seu objetivo é fidelizar o cliente. Isso porque a rápida resposta no atendimento facilita o fortalecimento da relação entre vocês. Ainda mais, isso te ajudará a fornecer conteúdo relevante, de acordo com a necessidade de cada consumidor. Entenda como usar para vender:

  • Envio de linhas digitais de boleto 
  • Pesquisas de Satisfação (NPS)
  • Confirmação de compras
  • Validação de pedidos
  • Aviso de entrega

O chatbot também é uma ótima forma de realizar pesquisas de satisfação e opinião. Para que, assim, sua empresa continue aprimorando o atendimento e a experiência do cliente.

Em períodos de vendas de fim de ano, por exemplo, você pode usar o chatbot para entender como foi seu atendimento na Black Friday. Com os dados coletados, você aprimora sua estratégia para o Natal e fortalece a experiência do seu cliente. 

Fonadas

Ao utilizar essa ferramenta, você envia uma mensagem de voz personalizada para seu cliente. Podendo, então, anunciar ou informar algo. Você deixa com que o consumidor escute a voz da sua empresa e crie empatia com a marca. Utilize as fonadas para: 

  • Enviar promoções
  • Notificar sobre novos lançamentos ou datas importantes
  • Informar sobre produtos e prazo de entrega

Uma das grandes vantagens da fonada é a sua capacidade de abranger mais indivíduos. Já que ela está disponível para aparelhos fixos e móveis. 

Solucione os desafios do e-commerce

Por mais que o comércio eletrônico tenha se apresentado como uma opção positiva nesse período, ele também apresenta desafios. O número de consumidores que reclamaram do atraso nas entregas foi de 73 mil para quase 190 mil por mês. Segundo as empresas de armazenamento e transporte, os principais motivos para isso são: roubo de carga, congestionamento e falta de vagas para carga e descarga. 

Sendo assim, é essencial que sua marca mantenha uma comunicação transparente com seu consumidor para um aumento de vendas na pandemia. Imprevistos acontecem, mas é importante mantê-lo informado de todos os processos que envolvem a chegada do produto. Quanto mais clara e receptiva sua empresa for, melhor. Aposte no SMS e no chatbot como uma estratégia para realizar esse tipo de abordagem. Muito mais do que meios de venda, eles são um canal de contato direto com seu cliente.

Próximos passos

Já é esperado que o e-commerce continue um sucesso para as vendas de fim de ano. Segundo a ABComm e a Ebit/Nielsen, o faturamento da Black Friday será maior do que em 2019, quando foi recorde em vendas online. A estimativa para a data é um crescimento de 77% nas vendas, atingindo R$6,9 bilhões. Com as ferramentas certas, sua empresa terá uma Black Friday de sucesso este ano. Confira nosso webinar exclusivo sobre o tema.

O aumento de vendas na pandemia foi um fenômeno e, aqueles que tiveram as melhores ferramentas, tiveram maior sucesso. Invista em meios de comunicação para atingir seus clientes de forma efetiva daqui para frente. Já que a modalidade veio para ficar. Conte com os serviços da TWW. Vamos juntos entender as melhores estratégias para o seu negócio. 

A revolução dos meios de pagamento

Você já deve ter escutado a frase de que tempo é dinheiro, certo? Pois é, ela faz mais sentido a cada dia que passa. Desde jovens, os indivíduos buscam cada vez mais automatizar seus processos, comprando produtos pela internet, fazendo cursos virtuais, pagando contas por meio de internet banking, entre outros. Uma das coisas que mais vem se atualizando e revolucionando seus métodos, são os meios de pagamento. Existem cada vez mais opções para efetuar transações financeiras que podem facilitar seus processos no dia a dia. 

Separamos algumas novidades nos meios de pagamento e dicas sobre segurança para que você esteja antenado e se necessário, saiba qual implementar em sua empresa. Confira:

Novos meios de pagamento

É possível que você já tenha ouvido falar de pelo menos um desses métodos, mas você conhece bem a utilização? Entenda mais sobre cada um deles:

Linha digitável
Assim como o nome já diz, é a linha digitável de um boleto bancário , ou seja é o código de barras traduzido em números, e ela é necessária para efetuar o pagamento de boletos quando você não tem a conta em mãos, ou o código de barras. Esse método geralmente é enviado por meio do SMS, por ser prático e rápido, assim o cliente copia a sequência numérica e ja faz o pagamento online no seu banco.

NFC

A sigla significa Near Field Communication, em tradução: comunicação por campo de proximidade. É a tecnologia de troca de dados sem fio por aproximação entre dois dispositivos, que pode ser utilizada para efetuar pagamentos. Esse método oferece praticidade, pois basta aproximar celular, relógio ou cartão de crédito com a máquina do cartão. Ambos devem ser compatíveis com essa tecnologia e, a troca de informações ocorre em poucos segundos. 

Em transações por meio de NFC, existe um limite de R$ 50 para transações onde não é necessário a utilização de senha e precisa ter a função habilitada previamente antes da utilização. Então como você precisa autorizar essa função antes de realizar a aproximação,  é uma tecnologia que apresenta certa segurança, mas é sempre indispensável se atentar onde o método será utilizado. 

Esse método pode ser encontrada em vários segmentos, e entre produtos premium até intermediários, por exemplo muitos smartphones de médio custo já contam com essa tecnologia. 

QR Code

Este método tem como nome Quick Response Code, que em tradução literal é o código de resposta rápida. Mesmo sendo criado em 1994 no Japão, ele ganhou mais notoriedade apenas nos últimos anos. O QR Code é uma evolução do código de barras, e é reconhecido pela grande maioria dos smartphones. 

Ele pode ser utilizado para oferecer diversos tipos de informações, pode redirecionar para páginas específicas, download de aplicativos e, como forma de pagamento, pode ser utilizado para identificar a compra a ser efetuada. Segundo um estudo da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, mais de 80% dos varejistas pretendem adotar aplicativos e QR Code como meios de pagamento. 

Esse método como forma de pagamento pode ser apresentada virtualmente ou de forma impressa. Muitas empresas criaram ações para tentar levar os clientes a utilizarem o método para efetuarem seus pagamentos, algumas oferecem descontos na primeira compra ou serviço de cashback.

Aplicativos para pagamento

Pagar contas e efetuar compras pelo celular tem se tornado algo cada vez mais comum na rotina dos brasileiros. Não poderia ser diferente que diversos aplicativos tenham sido lançados com essas finalidades e venham se aprimorando cada vez mais. Entre os serviços oferecidos estão pagamento de boletos, recarga de celular, realizar compras físicas e online, transações financeiras e outros. 

Entre as vantagens em utilizar esses aplicativos como meios de pagamento, estão a facilidade da utilização, possibilidade de parcelamento de contas, transferência para pessoas físicas sem taxas, cashback e descontos em produtos e serviços selecionados. Além disso, o SMS pode ser um ótimo aliado neste caso, notificando esses pagamentos por meio de mensagens automáticas. 

Segurança de Dados

Ao compartilhar suas informações com os meios de pagamento a serem utilizados, é importante oferecer segurança para que seus clientes se sintam seguros em compartilhar os dados. Oferecer um site seguro que contenha selo de verificação e apresentar informações sobre a instituição de forma transparente, para que o consumidor tenha acesso à elas. A LGPD é uma nova lei para regulamentar a responsabilidade das empresas com os dados pessoais dos usuários e a forma como eles serão utilizado, e caso não haja cumprimento, a organização será penalizada. 

Autenticação em dois fatores

Em muitos dos casos que citamos, a autorização para transações conta com a autenticação em dois fatores. É uma etapa extra de segurança que visa proteger os dados dos usuários, e pode ser feito por meio de SMS. Pode ser usado para confirmar uma compra, ou notificar sobre transações realizadas. Tanto nessas formas de pagamento quanto em outras, as empresas responsáveis podem fazer uso da autenticação para garantir a segurança dos seus usuários. 

Para oferecer segurança no compartilhamento de informações é crucial contar com a ferramenta certa. A TWW está há 20 anos no mercado, oferecendo serviços como SMS, flash, voicebot ou chatbot para diversas empresas, nos mais variados ramos do mercado. Assim como o avanço nos meios de pagamento, a TWW busca sempre se reinventar e se atualizar para continuar mantendo o alto padrão de qualidade. Temos o serviço ideal para sua empresa, converse com um de nossos consultores e saiba mais. Confira um webinar bem bacana sobre alguns dados interessantes do pós pandemia, e sobre a adesão de meios de pagamento alternativos.

A sua empresa está preparada para as vendas de fim de ano?

O fim do ano está chegando! E com ele muitas datas comemorativas para sua empresa aproveitar. Black Friday, Natal e até confraternizações pedem por uma lembrancinha, não é mesmo? Afinal, é o momento em que as pessoas estão mais dispostas a investirem em presentes, seja pela maior circulação de capital (13º salário) ou pelo sentimento de festividades. Por isso, faz-se necessário que a sua empresa esteja preparada para as vendas de fim de ano.

Para este ano, muitas empresas tiveram de mudar sua estratégia em relação às vendas. Com o isolamento social em vigor, os consumidores pararam de visitar centros comerciais e shoppings center. Espera-se que 67% dos compradores confirmem online se um item está em estoque antes de ir para a loja comprá-lo. Uma alternativa para se sentirem mais confortáveis e seguros nesse período. 

O modelo de comprar entra em mudança nesse cenário. Consequentemente, é preciso apostar na estratégia mais adequada para o momento, respeitando o poder de decisão do consumidor. Ou seja, as vendas de fim de ano devem conversar com os novos hábitos e meios de compra. 

Mas como fazer isso no cenário atual? Confira neste post algumas dicas para preparar sua empresa para as vendas desse período em um momento tão único como esse. 

Entenda os novos hábitos de consumo do público para as vendas de fim de ano

Que o consumidor mudou, nós já sabemos, mas o que isso significa? Pesquisas indicam que os consumidores apresentaram maior interesse em: produtos de saúde, bem-estar, de prevenção e também em alimentos. A maior permanência em casa possibilitou uma reflexão sobre as necessidades, principalmente na questão da saúde. 96% dos brasileiros declararam que vão manter os hábitos de higiene que adquiriram no período de isolamento. 

A comodidade na hora de realizar atividades também deve se tornar uma prática mais comum para os brasileiros. Como, por exemplo, trabalhar de casa. 50% dos brasileiros desejam manter o home office após pandemia. Sendo assim uma oportunidade para o comércio investir em produtos que auxiliem o trabalhador a ter alta produtividade em qualquer lugar.

Outra tendência observada foi a preocupação com a saúde, já que 81% dos brasileiros afirmaram estar buscando um estilo de vida mais saudável. Hábitos como cozinhar em casa e ter mais tempo para fazer exercícios ajudaram para este fenômeno. Uma outra oportunidade para quem comercializa produtos de estilo de vida. 

Então, como preparar a estratégia da minha empresa para este novo brasileiro nas vendas de fim de ano?

Aposte no e-commerce

O digital já vem transformando o comportamento do consumidor há alguns anos, mas, com a pandemia, esse processo se intensificou. Durante o isolamento, 90% dos brasileiros usaram o e-commerce e, dentre estes, 37% afirmaram que estão comprando mais online do que antes da pandemia.

O novo meio de comprar é o digital e sua empresa precisa, mais do que nunca, apostar nele. Certamente, para este fim de ano, serão valorizadas empresas que pensam nas necessidades do consumidor, oferecem preços competitivos e outros benefícios como frete grátis ou cupons de desconto gradativo. O público buscará por conveniência na hora de realizar a sua compra e, quanto mais sua empresa proporcionar isso, melhor!

Agora, se com a flexibilização do isolamento, sua empresa decidir investir no comércio presencial, fique atento aos cuidados de segurança. Serão valorizados comércios que cumprirem com as normas impostas pelo Ministério da Saúde. Desta forma, você estará preservando o seu cliente enquanto atinge o seu objetivo. Alguns dos procedimentos importantes são: utilização de máscara no local (funcionários e clientes), medição da temperatura, disponibilização de álcool gel e sinalização da distância permitida entre clientes.

A importância das mídias sociais para as vendas de fim de ano

A forma de fazer publicidade também terá impactos no e-commerce. Agora, não é preciso convencer a pessoa de que ela precisa de determinado produto de forma invasiva. O consumidor receberá melhor aquela publicidade se a empresa se preocupar em sugerir como tal produto solucionará questões do seu dia a dia. Em períodos que as pessoas consomem por necessidade, uma comunicação mais humanizada é valorizada. 

Do mesmo modo, estar onde seu cliente está também é um fator fundamental. As mídias sociais disponibilizaram uma maior dispersão de conteúdos e tendências, o que pode ser muito positivo para empresas. Afinal, com a maior utilização das redes sociais no isolamento social, pessoas usam mais dados. Contudo, não é preciso que sua empresa esteja online para se relacionar com seu cliente. Faz-se necessários estar presente em canais offline, como o SMS. 

Nesse momento, o SMS Marketing se torna uma forma eficiente de se relacionar com seus clientes. Além de ser versátil para sua necessidade de anúncio, ele é personalizável para valorizar a experiência de cada um. Entenda mais sobre como o marketing de conversação pode te ajudar nesse período de vendas de fim de ano e conheça nossas soluções.

Fidelização dos seus clientes

Em momentos de crise, ganhar a confiança de seu cliente pode parecer complicado, mas será de extrema importância para sua empresa. Estudo realizado pela Intelligence Central mostrou que 55% dos consumidores valorizam marcas que se adaptaram para ajudá-los e 58% admiram aquelas que fornecem um serviço necessário.

Ou seja, é mais do que vender um produto, é se fazer presente na vida daquele consumidor. Oferecer dicas, mostrar aplicações pontuais do que você está vendendo, compartilhar experiências de clientes já fidelizados… tudo será levado em consideração pelo novo consumidor.

Mas como fidelizá-lo? Após impressionar seu cliente com sua estratégia de comunicação para vendas, você deve investir em continuar esse relacionamento. Pode ser por e-mail marketing, mensagem nas mídias sociais ou até SMS. O importante é estar ali pelo seu cliente, como um amigo mesmo.

Sua empresa poderia realizar, por exemplo, uma pesquisa de satisfação com o seu cliente. Assim, é possível entender a influência do atendimento em relação a decisão de compra. Essa opção é importante para entender a experiência dos clientes na Black Friday e se preparar melhor para atendê-los no Natal. Entenda como podemos ajudar a sua empresa a implementar esse tipo de serviço.  

Por mais que as vendas de fim de ano não sejam no formato tradicional é preciso que sua empresa esteja preparada para se adaptar ao consumidor e aos novos meios de consumo. Nós da TWW estamos à disposição para te ajudar a alcançar seus clientes neste momento tão único. Fale com um de nossos especialistas e vamos definir juntos a melhor comunicação para atender a sua necessidade de negócio. 

Como cativar o cliente através do SMS na Black Friday?

O tempo voou e já estamos nos aproximando de uma das datas mais esperadas do ano, a Black Friday! Mesmo sendo uma data estrangeira, se tornou extremamente popular no Brasil nos últimos anos, e por isso todos já sabem que as marcas oferecerão descontos neste período. Então é importante que a sua empresa se destaque das demais, cativando o cliente, e oferecendo o que ele procura neste momento. Mas como fazer isso? Uma ótima dica é a realização de envio de SMS na Black Friday.

As mensagens curtas e objetivas nesta época do ano, se elaboradas corretamente, podem engajar o público e gerar muitas conversões. O SMS é escolha inteligente, já que ele apresenta uma taxa de abertura de 98%, e que geralmente são feitas em até 3 minutos! Além disso, o serviço não necessita de acesso à internet, sendo assim, atingindo um número maior de usuários.

Com a pandemia, as vendas online aumentaram mais de 80%, o que significa que os consumidores mesmo com a crise econômica, continuam comprando produtos e serviços. Então comece o planejamento da sua campanha já! Separamos algumas dicas de envio de SMS na Black Friday para você implementar na sua empresa. Confira:

Como se organizar antes de efetuar o disparo de SMS na Black Friday

Se atente à algumas informações antes de efetuar o disparo do seu SMS na Black Friday:

Garanta o OPT IN

Ter a autorização dos clientes, também conhecido como OPT IN é vital para o envio do SMS. O disparo de mensagens indesejadas podem gerar uma imagem negativa da marca,  que é o oposto do que você deseja com o envio de SMS. Além disso, é importante oferecer o descadastro, o Opt-out, para aqueles clientes que não desejam mais receber conteúdos. 

Atente-se ao horário

Não envie mensagens em horários impróprios, como a madrugada por exemplo. O foco do SMS na Black Friday é cativar o seu cliente e não irritá-lo, pois ele precisa ter uma empatia e carinho pela marca, e não é dessa forma que isso irá ocorrer. Há uma exceção, que é quando o SMS faz parte de alguma ação já planejada, como promoções com tempo limitado e em horários específicos, o que ocorre bastante nessa época do ano. Aproveite os horários de menor tráfego de mensagens que são entre às 6h e 7h, 10h e 12h e entre às 13h e 16h.

Ofereça atendimento por SMS na Black Friday

Fornecer um bom atendimento ao cliente é vital para garantir uma experiência de compra positiva. Durante o momento da Black Friday é ainda mais importante, porque muitas marcas pecam nesse sentido, por conta da alta demanda ou simplesmente falta de organização. Os clientes têm muitas dúvidas e problemas a serem resolvidos durante as compras, e oferecer um atendimento via SMS neste período, pode trazer uma otimização das soluções dos casos. Já que o atendimento é feito de forma forma mais ágil e prática, deixando o usuário mais satisfeito. 

Como utilizar corretamente o SMS na Black Friday

Agora que já identificamos alguns itens que sua marca deve se atentar antes de fazer envio das mensagens neste momento, confira algumas dicas de conteúdo para SMS que podem alavancar suas vendas. 

Faça um anúncio prévio das ofertas

Alguns clientes fazem pesquisas de preços antes da Black Friday chegar, para monitorar os descontos, e quais oportunidades realmente valem a pena. Oferecer uma lista de itens que vão entrar em promoção, ou prévia pode gerar empatia dos consumidores e já enganá-lo a acompanhar sua marca quando a data chegar efetivamente.

Para esse tipo de divulgação, você pode contar com nossos serviços de anúncio com sender ID. Você identifica o remetente, personaliza sua mensagem e ainda passa a informação de forma rápida e eficaz. Saiba como a publicidade por mobile pode ser positiva para sua estratégia

Disponibilize ofertas em primeira mão 

Sua marca pode enviar um SMS convidando os usuários à receberem ofertas especiais da Black Friday antes de todo mundo. Reforce no SMS as vantagens de se cadastrar para receber os descontos em primeira mão e ainda possivelmente aumentar o número de leads. 

Ofereça descontos exclusivos para quem já consome a marca

A Black Friday obviamente é uma oportunidade para vender mais do que no restante do ano, mas não é apenas isso, ela é importante para fortalecer o relacionamento entre marca e cliente. Visto que neste momento o usuário está mais suscetível a se cativar pela concorrência, é vital oferecer vantagens de continuar comprando sua marca.

Isso pode ser feito por meio de ofertas e descontos exclusivos, programas de fidelidade e entre outros. Dessa forma, você demonstra que valoriza a boa relação que vocês tem. O envio SMS com cupons exclusivos permite fortalecer o sentimento de pertencimento do público com a sua empresa. 

A Black Friday está logo aí, então não perca tempo e comece o planejamento das ações que sua marca irá executar neste período! Confira nosso webinar sobre as vendas

Para envio de SMS na Black Friday, e outros serviços como Chatbot, Voicebot e WhatsApp Business, procure a TWW. Temos o produto certo para sua marca alavancar as vendas e oferecer uma ótima experiência do cliente. São mais de 20 anos no mercado, auxiliando diversas organizações a atingirem sucesso nos objetivos, por meio de serviços de qualidade e profissionais capacitados. Procure um de nossos consultores e saiba mais.



Guia de vendas: como aumentar as conversões?

Não importa qual seja o segmento da empresa, ela vai sempre vender algo à alguém, independentemente se é um produto ou serviço. Por isso, é crucial conhecer todas as etapas e processos de venda para conseguir o sucesso dentro do setor em que atua.

Vale destacar que quando falamos de vendas, não se trata apenas da troca entre cliente e vendedor, e sim todo o processo que leva até a finalização da compra. Conheça todos os tipos de vendas, dicas e outras estratégias que ajudarão sua empresa de forma efetiva.

Principais tipos de vendas

Existem algumas modalidades de vendas, as mais comuns no mercado são as diretas, as consignadas e as corporativas. Cada uma delas é voltada para tipos de negócios diferentes, com públicos-alvo específicos, por isso, é necessário compreender suas características e entender qual é a ideal para o seu negócio.

Vendas consignadas

Esse tipo de venda é mais comum entre varejistas e distribuidores. É a parceria entre um estabelecimento que realiza as vendas e seu fornecedor, com vantagens e acordos que sejam positivos para ambas as partes. Empresas que tenham um estoque pequeno
podem e devem ser beneficiar de vendas consolidadas com outras companhias.
Já que o fornecedor assume o risco de arcar com as despesas e eventuais devoluções caso os produtos não sejam vendidos, o vendedor tem uma opção segura na negociação. Além disso, essa transação também pode ser feita entre lojas e pessoas físicas, neste caso o vendedor assume as vendas e caso o pagamento não seja feito no prazo acordado, o produto é devolvido ao fornecedor.

Vendas diretas

São as vendas clássicas, basicamente consiste no contato entre o vendedor e o consumidor. As empresas estudam as oportunidades de acordo com seu público-alvo e seus problemas a serem resolvidos. Esse tipo de venda, oferece um atendimento personalizado e próximo, sempre de acordo com o tipo de produto ou serviço oferecido. Dentro das vendas diretas, temos alguns tipos diferentes. Algumas delas são:

  • Porta em porta: é a situação em que o vendedor literalmente vai até a localização do cliente para fazer a venda; 
  • Catálogos: que é o caso em que o vendedor deixa um revista ou catálogo com descrições, imagens e preços dos produtos, que o cliente vai selecionar quais deseja comprar;  
  • Lojas físicas: local onde o cliente se dirige para conhecer mais informações sobre o produto oferecido, e é atendido por um vendedor preparado.
  • E-commerce: são as vendas feitas através de um comércio virtual por meio de um equipamento eletrônico, como smartphones ou computadores.

Vendas corporativas

Diferente dos casos anteriores, esse tipo de venda é focado 100% em B2B. Neste caso, as vendas são mais racionais, pois são analisada com mais cautela, e baseadas em argumentos concisos. Vendas corporativas são geralmente feitas através de contratos de longos períodos, transações de alto valores e precisam de um processo de vendas mais complexo, que pode durar um tempo consideravelmente acima das vendas comuns. 

O ideal é criar um bom relacionamento com o público a ser conquistado, levando o lead à finalização da compra e, principalmente, à fidelização – o que garante parcerias duradouras. Nas vendas corporativas, é crucial apresentar argumentos e ter embasamento para efetivar a contratação de produtos ou serviços. Por isso a apresentação de resultados após a venda é importante para destacar as vantagens de manter a parceria.

Dicas de como vender mais

Técnicas e planejamentos são fundamentais para um bom desempenho de estratégias de vendas, marketing e no geral.

Estude seu público-alvo

Todas as informações possíveis sobre o público-alvo são de grande importância para aumentar as chances de sucesso. Saber o comportamento do potencial cliente, e informações como idade, classe social, gênero, estado civil, entre outros é fundamental para que a empresa ofereça o produto ou serviço que atendam a necessidades do usuário.

Tenha uma boa relação com seus consumidores

Além de buscar conquistar novos compradores sempre que possível, é indispensável manter um bom relacionamento com os clientes que já conhecem a empresa. Assim, a marca adquire uma boa reputação e relevância no mercado que está inserida. Além disso,  manter os clientes já conquistados ajuda a empresa na conquista de consumidores em potencial. Isso pode ser feito através de um bom pós-venda, atendimento personalizado e estratégias de remarketing.

Faça mensuração e análises 

A realização da mensuração das métricas pode auxiliar no entendimento do desempenho de uma campanha. Acompanhar os resultados obtidos ajudam no direcionamento das estratégias, e caso necessário, que ajustes sejam feitos. Quando uma estratégia de venda apresenta resultados positivos, gera o embasamento para elaboração de outras metas.

O que é o ciclo de vendas?

Primeiramente, ele é o tempo médio que um produto ou serviço leva para ser adquirido. Ele inclui diversas etapas, que se iniciam no primeiro contato e vão até o pós-venda.
São etapas que consideram os hábitos e desejos do público-alvo durante o planejamento, e garante uma boa experiência de compra, tornando os processos mais efetivos. Além disso, o cliente pode encerrar a negociação quando quiser, simplesmente por não estar satisfeito com algo. Por isso, é crucial estudar o ciclo de vendas com todas as suas fases, para diminuir as chances de que isso aconteça.

Quais são as etapas?

Independemente de qual seja o segmento, o ciclo de vendas precisa passar por algumas etapas para aumentar as chances de sucesso. Conheça abaixo algumas etapas:

  • Prospecção: Encontrar clientes em potencial é a primeira fase;
  • Primeiro contato: Pode ser feito por mensagens SMS, ligação, mensagem direta ou e-mail;
  • Qualificação: Etapa onde é feita a separação entre os leads que tem potencial e os que podem ser descartados, que são aqueles que não apresentam real interesse em fechar negócio;
  • Apresentação: Momento em que o cliente é apresentado ao produto ou serviço;
  • Negociação: Quando a proposta é enviada para cliente para que seja feita a análise e o vendedor aguarda um retorno;
  • Fechamento: Efetivação da compra e formalização da venda;
  • Pós-venda: Quando a empresa busca manter a satisfação do cliente após a conversão.

A elaboração do ciclo de vendas

Após a definição das etapas, é o momento de elaborá-las, a fim de entender e estudar o que vai ser feito em cada uma delas. Construção dos objetivos e metas são cruciais para um bom planejamento do ciclo de vendas. Além disso, todo o processo de compra e hábitos do cliente são vitais, por isso é importante conhecer detalhes como: quando o cliente compra; quem o influencia no processo; como a pesquisa pelo produto ou serviço é feito; horários em que utiliza redes e dispositivos de busca; pontos importantes, entre outros. Quanto mais completas forem as informações, mais fácil será o processo de elaboração e abordagem. 

Além de todos os processos e dicas de estratégias que citamos, é necessário contar com ferramentas que auxiliem a empresa durante o processo de vendas. Uma boa parceria pode gerar o aumento nas conversões e trazer ótimos resultados. Por isso, sua marca pode contar com a TWW para bater as metas e alavancar as vendas. São anos no mercado, sempre orientando e auxiliando empresas dos mais diversos segmentos. Profissionais experientes em estratégias efetivas com SMS, chatbot, voicebot ou o que mais sua empresa precisar para entregar uma ótima comunicação com seu consumidor.  Fale com nossos especialistas e saiba como melhorar seus resultados.

O que esperar do segundo semestre de 2020

É difícil definir como será o próximo semestre para a economia e o comércio em geral. Mesmo criando previsões otimistas ou pessimistas, não é possível garantir a precisão desses dados. Caso as ocorrências de Covid-19 tenham diminuído no Brasil e no mundo, estaremos lidando com a volta da rotina, que será gradual, onde alguns setores voltarão antes do que outros, sendo previsto que os de viagens e shows, sejam os últimos a retornarem. Se a pandemia ainda estiver presente, é possível que grande parte do mercado continue paralisado, e cabe às empresas, buscarem alternativas para se manterem ativas. Conheça alguns possíveis desafios que as empresas irão enfrentar no segundo semestre de 2020.

Impactos da pandemia na economia

Segundo a estimativa de especialistas, as medidas preventivas contra o Coronavírus podem custar 2,2 mil milhões de euros ao comércio. Além das perdas com a situação atual, quando o mercado retomar suas atividades, deve enfrentar diferentes regras entre os estados e países. Isso pode dificultar a recuperação da circulação da economia global. Por isso, as empresas devem estar atentas a todas as mudanças, regras e fatores que deverão ser seguidas. Acredita-se em uma retomada gradual da economia, já no início do segundo semestre, devido a possível volta de alguns setores dentro do mercado. 

Adequação no segundo semestre de 2020

Acredita-se que mesmo com volta parcial da rotina, muitas regras de convivência ainda deverão ser exigidas. Os hábitos de prevenção devem permanecer mesmo após o encerramento da quarentena.  Escritórios manterão os funcionários afastados, a indústria vai fazer mudanças na produção, entre outras coisas. As empresas que trabalham com importação e exportação de produtos, por exemplo, devem se atentar às novas regras que devem surgir, para garantir a segurança e evitar novos contágios. E se adequar a uma rotina onde essa compra e venda de materiais ou produtos, não será feita da mesma forma que antes.

Como será o consumo?

Conforme citamos acima, a economia sofreu drasticamente com a pandemia do novo coronavírus, e sua retomada deve ser bastante complicada. Mesmo após a volta gradual a rotina, as pessoas terão mais cautela no momento de realizarem compras. As classes mais baixas foram as que mais sofreram durante esse período, e provavelmente serão as últimas a retomarem os tradicionais hábitos de consumo. Os clientes serão mais cautelosos no momento de finalizar as compras, por isso, as empresas devem se preparar para essa possível baixa nas vendas neste segundo semestre de 2020.

Crie alternativas

As marcas precisam criar estratégias que ajudem no crescimento das vendas, ou que de alguma forma, mantenha um nível positivo nessas conversões. Uma dica, é investir no bom atendimento, assim a marca cria um bom relacionamento com os consumidores, podendo cativar esse usuário, e possivelmente gerar uma fidelização, o que nesse momento de pandemia, pode ser vital. É importante entender onde seu público está, e buscar atingi-lo nesse momento de pandemia, então fazer a migração para o online, oferecendo entrega de itens por exemplo, também pode ajudar a manter as vendas. 

Seja atrativo

Ser atrativo perante os  concorrentes, é uma boa maneira de chamar a atenção de seu público. Seja enviando descontos, frete grátis, ou alguns outros conteúdos que sejam atraentes para seus clientes. Pois nesse momento, o usuário está mais propenso a ser impactado por diversas marcas de diversos segmentos, então oferecer conteúdos atrativos, ajudará a empresa a se destacar dos demais. 

No momento de fazer o planejamento de estratégias para enfrentar os desafios do segundo semestre de 2020, é importante pensar em todas as etapas e processos. Nós, da TWW, temos anos de experiência contribuindo na relação entre empresas e seus clientes. Seja para envios pontuais de SMS ou construção de chatbot e voicebot, temos a ferramenta e a consultoria ideal para o seu negócio. Entre em contato com nossos consultores para mais informações.

Campanhas de relacionamento: Atraia e fidelize clientes

Já ouviu alguém dizer que fidelizar clientes é mais barato que atrair novos? Esse fato, no geral, é uma verdade, mas poucas pessoas levam em consideração que essa fidelidade também pode elevar a base de leads. Isso porque além de gerar compras recorrentes, também torna o cliente um promotor da marca, fazendo com que outras pessoas tenham conhecimento sobre ela. Para estimular essa lealdade é essencial adotar campanhas de relacionamento efetivas.

Confira ao longo do conteúdo o que são campanhas de relacionamento e como utilizá-las na sua empresa. 

O que são campanhas de relacionamento 

As campanhas de relacionamento são estratégias de comunicação que visam estreitar a relação com o cliente, tornando-o mais próximo da marca. Assim, é possível fazer com que essa pessoa tenha preferência por produtos da empresa durante uma compra e, ainda, se torne um promotor, divulgando os serviços ou produtos da instituição. 

Como aplicar as campanhas de relacionamento? Criando uma linha de comunicação que preveja o contato frequente com o cliente. Isso pode ser feito através da solicitação de opinião sobre algum produto adquirido ou assunto do momento, enviando mensagens em datas comemorativas — como Natal e aniversário — ou ofertando descontos exclusivos.  

A fidelização de clientes 

A partir dos pontos citados, é fácil compreender como as campanhas de relacionamento oferecem resultados positivos. Elas aumentam a presença da marca junto ao cliente, elevando as chances de efetivação. Mas vale destacar que para que a campanha seja eficiente, é essencial impactar os clientes certos, que apresentam real interesse no produto ou no conteúdo da marca.

Por isso, é preciso realizar uma segmentação detalhada, de acordo com os interesses e o engajamento do cliente. Além disso, é essencial utilizar mensagens claras e objetivas, com um tom de voz que esteja de acordo com a imagem da marca.. Por fim, outro ponto a ser destacado é o meio utilizado para essa comunicação. É importante optar por um meio que garanta uma alta taxa de engajamento e ofereça uma fácil assimilação, como o SMS Marketing. 

SMS Marketing para campanhas de relacionamento

De acordo com uma pesquisa realizada pelo IBGE, a partir dos 10 anos, três entre quatro brasileiros já possuem um aparelho celular. Com isso, o SMS apresenta uma grande possibilidade de alcance. Vale destacar, ainda, que esse tipo de mensagem não exige o uso de internet, o que garante que todos os aparelhos possam receber mensagens desse tipo, independente do acesso a 3G ou Wi-Fi. 

Outras vantagens do SMS são que ele apresenta alta taxa de abertura (98%) e visualização quase que imediata, uma vez que 90% os usuários verificam as mensagens em até 3 minutos após o recebimento. Os textos também são curtos — com até 160 caracteres — contribuindo com uma leitura rápida, fácil e objetiva. 

Assim, vale a pena solicitar o telefone celular em cadastros de leads e clientes, para aumentar a base de contatos e garantir que o maior número de pessoas receba contatos frequentementes. Também é indispensável pedir a autorização para o envio de mensagens.

Alguns exemplos das mensagens que podem ser enviadas são pesquisa de satisfação, cupom de desconto, indique um amigo, promoção relâmpago ou exclusiva, mensagens de aniversário e informação sobre novos produtos.  

Quer aproveitar os benefícios das campanhas de relacionamento em sua empresa? Nossos consultores possuem vasta experiência no mercado para construir uma estratégia de comunicação efetiva com o uso de SMS marketing, chatbot por SMS ou Voicebot! Fale com nossos especialistas e saiba como acelerar seus resultados.